Manter-se feliz na “melhor idade” reduz propensão a doênças, diz estudo

Manter-se feliz na "melhor idade" reduz propensão a doênças, diz estudo

Ser feliz e ativo parece ser o segredo de se manter bem na melhor idade, é o que aponta um estudo realizado por pesquisadores da University College London.
Pessoas com idade avançada têm mais propensão em adquirir doênças. Mas, pessoas que são felizes e fazem atividades físicas diariamente, chegam a idade avançada com menos mais resitentes a doênças do que as pessoas infelizes.
Segundo o jornal inglês The Telegraph, o estudo foi realizado pelo Dr. Andrew Steptoe, da University College London, que avaliou durante 8 anos 3,199 homens e mulheres e dividiu-os em três categorias: de 60 a 69 anos, 70 a 79 e 80 a 89.
As pessoas com idade entre 60 a 69 anos que apresentaram o nível mais alto de bem-estar tinham um nivel econômico mais elevado, estudo mais avançando e eram casadas e ainda trabalhavam. As pessoas com baixo bem-estar com a mesma idade, tinham três vezes mais chances de ter problemas em suas atividades físicas diárias.
O estudo mostrou que as pessoas mais velhas que aproveitam mais a vida têm mais chances de sobreviver os 8 anos seguintes e se mantêm em melhores condições físicas.
Segundo o Steptoe, o gozo da vida é relevante para trazer benefícios contra deficiência e aumentar a mobilidade das pessoas com idade avançada.
O estudo foi publicado na revista Canadian Medical Association Journal.

Atualizado em Terça, 21 Janeiro 2014 09:42

Manter-se feliz na “melhor idade” reduz propensão a doênças, diz estudo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s