Caspa no bebê: causas e tratamentos da dermatite seborreica | TulipaBaby

Casquinhas amareladas que se soltam da cabeça do bebê podem ser indício de que a criança está com dermatite seborreica (ou crosta láctea do recém-nascido), popularmente conhecida como caspa. O problema não é motivo para desespero, já que a descamação do couro cabeludo é bem comum no primeiro ano de vida dos pequenos.

Casquinhas amareladas que se soltam da cabeça do bebê podem ser indício de que a criança está com dermatite seborreica (ou crosta láctea do recém-nascido), popularmente conhecida como caspa. O problema não é motivo para desespero, já que a descamação do couro cabeludo é bem comum no primeiro ano de vida dos pequenos.

Essa manifestação não é uma doença, muito menos algo contagioso, e deve desaparecer com o tempo. A caspa costuma aparecer com mais frequência no couro cabeludo, mas também pode surgir nas áreas de sobrancelhas, pálpebras e orelhas.
Causas do problema

Segundo o dermatologista Dr. Fernando Passos de Freitas, a principal causa da crosta láctea ainda é desconhecida, mas sabe-se que ocorre devido a alterações na constituição sebácea. “O hormônio androgênio que é transmitido da mãe para o filho durante a gestação e a amamentação estimulam a atividade das glândulas sebáceas. O aumento dessa produção forma uma camada gordurosa e descamativa no couro cabeludo”, explica.

Essa condição não é sinônimo de falta de higiene e muitas vezes não é possível evita-la. De acordo com o médico, ela pode surgir mesmo lavando muito bem a cabeça da criança todos os dias. “É importante cuidar das lesões. A falta de cuidados pode transformar essa pequena manifestação em infecção por bactérias ou fungos”.

Além disso, o calor e a umidade podem acentuar o problema. Tecidos de lã, sintéticos e de flanela, por exemplo, retém o suor, o que favorece o aparecimento das casquinhas na cabeça do bebê.
Prevenção

Apesar de a lavagem do couro cabeludo não evitar o problema, alguns cuidados na hora do banho e o uso correto de shampoos podem ajudar a amenizar. “O couro cabeludo deve ficar seco após o banho. O correto é pentear todos os dias os cabelos para remover as células mortas e retirar todo o resíduo. Essas medidas evitam o agravamento da dermatite”.

Tratamento para descamação na cabeça do bebê

Normalmente, a crosta láctea desaparece após os sete ou oito meses de vida do bebê. Não se deve remover a casca com as unhas porque esse procedimento pode causar infecção. O ideal é manter o couro cabeludo do neném limpo e seco.

Dr. Passos de Freitas indica que trinta minutos antes do banho, a mãe aplique no couro cabeludo um óleo emoliente ou de amêndoas específico para o bebê. Depois, lave o cabelo da criança com shampoo e escove os fios com escova de pelos macios, deixando o produto agir por dois minutos. Após o tempo, enxague com água morna e seque suavemente.

O mais importante é que as crostas sejam retiradas somente com pentes indicados para bebês. Caso a descamação permaneça com esses cuidados, é essencial procurar um especialista para fazer a avaliação do problema. Caso as lesões sejam intensas, o médico pode recomendar o uso de cremes ou pomadas à base de corticóides de baixa ou média potência para melhorar o aspecto do couro do cabeludo da criança.
Dicas para amenizar a caspa
No banho, esfregue a cabeça do bebê suavemente com sabonete neutro para retirar a oleosidade
Uma massagem com shampoo também ajuda a descolar as casquinhas. Mas deixe que elas amoleçam sozinhas, nunca force
Outra opção é remover as escamas com óleo mineral aquecido, para deixá-las moles. Limpe o local com água boricada
Sempre deixe a cabeça da criança seca, já que a umidade provoca lesões no couro cabeludo
Evite roupinhas muito quentes, opte pelas de algodão ou linho
Troque as fraldas frequentemente e suspenda-as em casos mais agravados

Fonte: http://bebe.bolsademulher.com/0-a-1-ano/materia/caspa-no-bebe-causas-e-tratamentos-da-dermatite-seborreica/

 

 

Caspa no bebê: causas e tratamentos da dermatite seborreica | TulipaBaby.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s